Rei Leão, uma batalha na mente

Olá gente, tudo bem? Hoje quero refletir com vocês um pouco sobre o filme do “Rei Leão”.

Primeiro vamos recapitular a história:

“Mufasa era o rei da floresta e teve um filhotinho, chamado Simba. Um dia Simba e Mufasa caem em uma armadilha feita por seu tio Scar e Mufasa acaba morto. Scar então começa a acusar Simba da morte de Mufasa e Simba foge. Na fulga ele conhece Timão e Pumba que o ensinam o lema “RaKuna Matata”, não se preocupe, suja dos seus problemas. Simba aceita isso e acaba perdendo sua identidade. O leão, rei da floresta, passa a comer larvas. Simba vive assim por muito tempo, fugindo das suas feridas do passado. Até que um dia ele é confrontado e estimulado a procurar seu pai, é quando descobre que seu pai estava vivo em seu interior. Nesse momento ele assume sua identidade, filho do rei, enfrenta o passado, faz os ajustes necessários e passa a governar, cumprindo assim seu propósito de vida.”

Vamos observar a sequência de fatos:

1. Ataque na mente

Simba sofreu vários ataques em sua mente, palavras de acusação que fizeram com ele sentisse culpa. Essa é a arma mais usada por Satanás: atacar nossa mente nos levando a culpa.

2. Fuga

Quando acreditamos nas mentiras de Satanás, a tendência é fugirmos. O medo de enfrentramos nossos problemas, faz com que os ignoremos, fingindo que eles não existem. Tentamos levar um vida normal, mas sempre seremos assombrados pelo passado, pois fugir dos nossos problemas nos levará para cada vez mais longe da nossa verdadeira identidade.

3. Identidade

A “identidade” se refere a quem você é de verdade. Quando você está longe dessa identidade, acaba aceitando coisas muito aquém do que de fato você poderia ter ou ser, vivendo na mediocridade. A fuga dos problemas faz que agente se desconheça e não encontrem quem somos de fato.

Observe que uma coisa puxa a outra. O inimigo te acusa. Se você acredita nas mentiras dele e fugir, então sua identidade é deturpada e consequentemente você estará cada vez mais longe do seu propósito.

Todavia, isso pode mudar, basta você começar a buscar seu verdadeiro pai. Quando você reconhecer que Deus te amou o suficiente para mandar à Cristo para morrer em seu lugar, irá enxergar o “Pai” dentro de você. Quando isso acontecer, você vai descobrir que você é filho do rei. Então, assumirá seu propósito, o de governar, ou seja, servir o reino de Deus e será plenamente realizado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s